Blog

6 curiosidades sobre o Pantanal que você nem imaginava
Autor

Adventure Club

Publicado

abr 27, 2021

Compartilhar
Compartilhar

6 curiosidades sobre o Pantanal que você nem imaginava

O Bioma de savana estépica é um dos destinos mais procurados por aventureiros que curtem o contato constante com a natureza e a possibilidade de avistar uma grande quantidade de animais em um só lugar.


Depois de severas queimadas, o Pantanal pede socorro. Saiba como ajudar!


Com temperaturas que variam de 32ºC no verão e 21º no inverno, o Pantanal tem mais de 60% de sua extensão no estado do Mato Grosso do Sul e é uma das planícies mais extensas de todo o mundo.  Mas as curiosidades a respeito dessa área deslumbrante são tantas, que não há um único turista que não saia dali boquiaberto com a quantidade de conhecimento que adquire.


Pensando nisso, decidi registrar 6 curiosidades que te ajudarão a entender um pouco o fascínio de quem navega pelas águas do Pantanal.


Volume de água


Na época da cheia, mais de 80% da extensão pantaneira é inundada. Se fizer um comparativo é como se Portugal, Holanda, Suíça e Bélgica ficassem completamente submersas. Grande parte dessa água vem do Rio Paraguai, que despeja por dia mais de 178 bilhões de litros no Pantanal.


Fauna e Flora


Na região foram catalogadas 3.500 espécies de plantas terrestres e aquáticas, o que torna o Pantanal um dos locais com a maior diversidade vegetal de todo o mundo.


Quando as espécies são de animais o número também impressiona: 6.656 aves, 53 anfíbios, 325 peixes, 98 répteis e 159 mamíferos. Com isso, a região do Pantanal possui, sozinha, um número maior de espécies de peixes do que todo o continente europeu.


O maior morcego das Américas


Entre os animais, o Pantanal conta com o maior morcego de todo o continente americano. O mamífero chega a um metro de envergadura e pode pesar até 250 gramas.


A grandeza do Tuiuiú


A ave símbolo do Pantanal mede nada menos do que 1 metro e 60 centímetros de uma ponta a outra de suas asas. Também conhecido como Jaburu ele é o pássaro mais associado à paisagem, já que costuma se exibir com graça para os turistas.


A serpente pantaneira e o maior peixe da região


Atrás apenas da Piton Real, a Sucuri pantaneira já foi protagonista de filme de terror por conta de seu tamanho, são mais de 9 metros de comprimento. O que muita gente não sabe é que a maior parte de sua alimentação é de peixes regionais.


No entanto, quando descobri que na região existe o Jaú, peixe que chega aos 12 quilos e 1,5 metros de comprimento, entendi o cardápio da serpente.


Ficou curioso para conhecer toda essa diversidade? Acesse a entre em contato conosco e encontre roteiros feitos especialmente para quem quer explorar essa região.